Futurologia fácil

março 22, 2013

A incerteza sobre o futuro tem sido a principal explicação para o baixo investimento e para a lentidão da economia.

Mas a incerteza está diminuindo – e já é possível traçar um quadro mais nítido sobre como será 2014. Já dá até para ter uma ideia do que será 2015.

E eles serão ruins, muito ruins.

Se a incerteza deixa um resto de esperança, o improviso de políticas erradas acaba até com isso.

É sempre difícil prever o futuro. Milhares de coisas e pessoas interagem dos jeitos mais diferentes para chegar a resultados realmente imprevisíveis.

Mas não é tão difícil assim prever que, se fizermos tudo errado, as coisas não vão acabar bem.

Cortar imposto e aumentar o gasto público estimula a demanda, aumenta a inflação: é o que os economistas chamam de política fiscal expansionista.

Manter os juros reais mais baixos da história do país estimula a inflação – em economês: política monetária expansionista.

Aumentar a oferta de crédito via bancos públicos aumenta a inflação – em economês: mais política monetária.

Tentar segurar aumentos de preço com jeitinhos (tipo adiar aumentos de tarifa de ônibus e isentar a produtores de alimentos do PIS) não afeta a inflação. Em economês: é um delírio completo.

A conclusão de que a inflação vai subir não é nenhum primor de futurologia: é só a consequência natural de fazer tudo errado.

Com inflação em alta em ano eleitoral e um governo que gosta de improvisar, podemos esperar um 2014 com várias respostas erradas aos problemas – do tipo que têm efeitos colaterais bizarros.

Em suma: passamos da incerteza para a certeza da crise. Se tivessem mudado o ministro na época em que a Economist pediu, podíamos, pelo menos, ter continuado com a incerteza…

Excesso de maquiagem?

Excesso de maquiagem?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: