Mubarak e Deus

fevereiro 12, 2011

A melhor descrição de Hosni Mubarak que li até agora não é uma descrição: é uma narrativa. E nem é uma narrativa comum: é uma piada. A encontrei em um artigo sobre humor egípcio no Estadão de hoje. Segundo o autor do texto, as piadas com governantes são uma tradição do país. Arqueólogos de lá já acharam textos de mais de 4 mil anos com piadas sobre faraós.

A cena é a seguinte:

Hosni Mubarak, Barack Obama e Vladimir Putin estão reunidos quando de repente Deus aparece para eles: “Vim aqui para lhes dizer que o fim do mundo será daqui a dois dias. Avisem o seu povo”.

Assim, cada um dos líderes volta para sua capital e prepara um discurso pela TV para fazer o comunicado.

Em Washington, Obama diz: “Meus caros americanos. Tenho uma boa e uma má notícia. A boa é que posso confirmar que Deus existe. A má notícia é que ele me disse que o mundo vai acabar em dois dias”.

Em Moscou, Putin declara: “Povo da Rússia, lamento lhes dar duas más notícias. A primeira é que Deus existe, o que significa que tudo aquilo em que nosso país acreditou durante todo o último século era falso. Em segundo lugar, o mundo estará acabando dentro de dois dias”.

No Cairo, Mubarak diz: “Egípcios, venho lhes dar duas excelentes notícias! Primeira, Deus e eu tivemos uma importante reunião. A segunda é que ele me disse que serei o seu presidente até o fim dos tempos”.

Os ditadores não entendem que o outdoor com a própria foto é uma espécie de prova de que são ditadores?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: